“FASB Cidadã” promove casamento civil coletivo para 54 casais barreirenses

 

 

 

 

 

 

 

 

A tarde de sábado (10) foi marcada por um momento especial. A realização do sonho do matrimônio para 54 casais barreirenses. A iniciativa foi viabilizada por uma parceria entre a Faculdade São Francisco de Barreiras (FASB) e o Cartório do 2º Ofício de Registro Civil das Pessoas Naturais de Barreiras, com o objetivo de oferecer, gratuitamente, a oportunidade para as pessoas “hipossuficientes financeiramente” de oficializar a união. O evento integrou as atividades do projeto Fasb Cidadã, que ofereceu atendimento gratuito ao longo de todo o dia na Praça Landulfo Alves, para a população nas áreas de saúde, jurídico, empreendedorismo médico-odontolótico, dentre outros.

“O nosso interesse é servir a comunidade e esse projeto atingiu em cheio as nossas expectativas. A FASB se sente orgulhosa de participar da vida desses 54 casais, no dia de hoje, e outras dezenas de casais que ficaram listados. Isso mostra que o projeto tem muito para caminhar e outras edições para acontecer”, disse o diretor-presidente do Instituto Avançado de Ensino Superior de Barreiras (IAESB), mantenedora da FASB, Tadeu Sérgio Bergamo.

Talia e Hélio, Walesson e Tainara e tantos outros casais, das mais variadas faixas etárias, participaram de uma solenidade emocionante, celebrada pelo Juiz de Paz, Marcos Henrique Santana Brito. O celebrante convidou o casal Claudineia Dourado Pereira e Ricardo Domingos dos Passos para representar os demais. Durante a celebração, o Juiz de Paz ofereceu conselhos e tratou de forma bem-humorada as situações vividas de um casal sob o mesmo teto.

O oficial do Cartório do 2º Ofício, Rafael Sales Rebouças, destacou a importância da parceria, que possibilitou “a realização, inédita, do casamento de mais de cem pessoas, no mesmo local” em Barreiras. Ele agradeceu aos colegas de trabalho pelo empenho que possibilitou a realização do casamento civil coletivo.

“Estou muito alegre. Nós temos mais de 30 anos que vivemos juntos, já temos netos, tem muito tempo que pensamos nisso. Somos evangélicos, decidimos nos casar para podermos ser batizados. É a realização de dois sonhos, o casamento e depois o batismo”, comentou o senhor Pedro Levi, 80 anos, que se casou com Aidê, de 64 anos. Um telão de LED foi instalado na praça para que parentes e amigos pudessem acompanhar a cerimônia. A Prefeitura Municipal de Barreiras cedeu o espaço e contribuiu para a realização do evento.

Última modificação em Segunda, 12 Junho 2017 16:53

Entre para postar comentários