Extensão

        A Política de Extensão é um conjunto de elementos orientadores que estabelecem uma relação real e de dupla mão entre a Sociedade e a Universidade. Nesse sentido, a Extensão passa a ser a realização do fazer universitário da FASB e a realidade social da Região Oeste da Bahia. Compreende uma miríade de ações de natureza diversa, de modo a ser uma interface entre processos de formação e educação, produção e aplicação de conhecimentos. Isto permite que seja um nexo entre o Ensino e a Pesquisa, permeada pela ativa participação da comunidade. Dessa forma constitui-se como parte do tripé ensino-pesquisa-extensão da instituição.

         As atividades da Coord. de Extensão se fundamentam num processo de colaboração e parceira com outros setores da instituição. Nesse sentido, procura-se desenvolver o caráter extensionista em atividades empreendidas nos projetos, programas, prestação de serviços, etc. Estas atividades estão sob a tutela das Coordenações de curso, ou outro setor da instituição, contando com a Coord. de Extensão como suporte operacional e metodológico.

TAREFAS DA COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO:

1.- PROGRAMAS DE EXTENSÃO: Definidos como um conjunto de projetos de caráter orgânico-institucional, com clareza de diretrizes e voltados a um objetivo comum.

  • Programa de Bolsas de Extensão: a exemplo do FASB-ACONTECER
  • Programa de Extensão - Voluntário

 

2.- PROJETOS DE EXTENSÃO: Conjunto de ações processuais contínuas, ou com o período de realização definido, de caráter educativo, social, cultural e tecnológico.   

  • FASB Acontecer    
  • Universidade Aberta da Melhor Idade   
  • AJEB (em parceria com outras instituições)

 

3.- CURSOS: Ação pedagógica, de caráter teórico e/ou prático, presencial ou a distância, planejada e organizada de maneira sistemática com carga horária e critérios de avaliação definidos.  

  • Cursos de Extensão
  • SOMA

 

4.- EVENTOS DE EXTENSÃO: Ação que implica na apresentação e/ou exibição pública, livre ou com clientela específica, do conhecimento ou produto cultural, tecnológico, científico, esportivo e artístico desenvolvido, conservado ou reconhecido pela FASB. São idealizados e desenvolvidos pelas Coordenações de Curso com o apoio da Coord. de Extensão.

Eventos das Coordenações Acadêmicas de caráter extensionista:

  • Semana de Enfermagem, Semana de Fisioterapia, Semana de Psicologia, entre outros.
  • Mostra de Cursos
  • Semana Agronômica

 

5.- PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA A COMUNIDADE: Realização de trabalho oferecido pela FASB - Coordenado e dirigido pelas Coordenações de curso, por um setor especifico ou contratado por terceiros (comunidade, empresa, órgão público) em parceria com a Coord. de Extensão. A prestação de serviços se caracteriza por intangibilidade, inseparabilidade processo/produto e não resulta na posse de um bem.

  • Agências Experimentais: Engenho Publicidade
  • Laboratórios: Rádio, Fotografia, Tv
  • Empresa Junior de Administração
  • Clínicas Experimentais: Fisioterapia e Psicologia
  • Educação à Distância
  • Núcleo de Práticas Jurídicas
  • Balcão de Justiça e Cidadania


6.- PUBLICAÇÃO: Elaboração de produtos acadêmicos que instrumentalizam ou que são resultantes das ações de ensino, pesquisa e extensão.

  • Catálogo de Extensão (em fase de implementação)

LINHAS DE PESQUISA E EXTENSÃO E ÁREAS TEMÁTICAS:

As ações de Extensão são executadas segundo linhas programáticas definidas nas discussões entre as Direções, Coordenações, Professores e Alunos, com o cuidado de estimular a interdisciplinaridade, o que pressupõe a existência de interfaces e interações temáticas.
Conforme estabelecido pela Política Educacional da FASB, as linhas de Pesquisa e Extensão são:

  • Sustentabilidade Ambiental
  • Sustentabilidade Sócio-Econômica
  • Sustentabilidade Humana

As áreas Temáticas são:

  • Comunicação
  • Cultura
  • Direitos Humanos e Justiça
  • Educação
  • Meio Ambiente
  • Tecnologia e Produção
  • Saúde
  • Trabalho
      De uma forma geral, as formas de operacionalização da Extensão abrangem: assessoria, consultoria, realização de eventos, apoio, formação/qualificação de pessoal, preservação, recuperação, difusão, divulgação, desenvolvimento de metodologia de intervenção, intervenção/atendimento, atenção, prevenção, desenvolvimento de sistemas, promoção/incentivo, articulação, adaptação, produção, cooperação, entre outras.

 

Coordenadora - MS: EMILIA  KARLA DE ARAUJO AMARAL PIGNATA

(77) 3613 8830 / 8835

Fale com a Coordenação: