A Faculdade São Francisco de Barreiras (FASB) completa 19 anos de atuação, em um dos setores mais estratégicos para o desenvolvimento regional: a educação superior. A comemoração desta importante data ocorreu em dois turnos, nesta quinta-feira (19), com a participação de alunos diretores, professores e colaboradores, no pátio da instituição. Distribuição de bolos e apresentações musicais protagonizadas pelos próprios acadêmicos, marcaram a festa de aniversário.

Pela manhã, na hora do intervalo, a comunidade acadêmica se reuniu no pátio para um momento de confraternização e comemoração das conquistas alcançadas em quase duas décadas de muito trabalho e dedicação. “A existência da FASB merece ser comemorada com muita alegria. Nesses 19 anos realizamos o sonho da formação em nível superior de 5.120 alunos. São pessoas extremamente qualificadas que estão saindo de suas graduações e entrando para o mercado de trabalho. As pessoas escolhem a FASB porque conhecem a nossa história e o nível do ensino praticado aqui”, ressaltou Marilissa Dobrachinski, diretora-acadêmica.

“Desejo que a faculdade continue trilhando esse caminho de sucesso. A FASB nos proporciona muito aprendizado e tem contribuído com a nossa socialização. Que as próximas décadas sejam de contínuo crescimento como tem sido até agora”, elogiou a estudante, Damiana Sena, do curso de Biomedicina. A luiseduardense Sthefany Lopes, demonstrou satisfação em fazer parte da história da instituição. “Sinto orgulho de estudar aqui, por ser uma faculdade que se preocupa em dar todo o suporte e incentivar os alunos a buscar o melhor”, declarou.

No período noturno a festa continuou. O assessor especial do Instituto Avançado de Ensino Superior de Barreiras (Iaesb), Roberto Marden Lucena, que faz parte da direção da FASB desde 2001, falou sobre as expectativas para o futuro da instituição. “A gente espera e acredita, que as pessoas que fazem parte da FASB mantenham os propósitos da origem. A instituição surgiu como projeto educacional que se coaduna com o desenvolvimento local-regional de Barreiras e de todo o oeste da Bahia. Não dá para falar em desenvolvimento, inovação e tecnologia sem vincular isso a uma base educacional. Nos preocupamos sempre em fazer uma educação humanizadora, que precisa fazer a diferença”, disse.

O jovem Dyego Kasagrande veio do estado de Mato Grosso do Sul para trabalhar na região e encontrou na FASB a oportunidade de avançar na profissão. “Após ser desligado da empresa, por não ter curso superior, encontrei na FASB a chance de alcançar o sonho de me formar. Hoje tenho perspectivas de um futuro melhor e quero continuar no oeste baiano, que foi a terra que me acolheu, onde me casei e estou formando família”, disse o estudante de agronomia, em tom de agradecimento.

Uma dupla, formada pelos acadêmicos Flávio e Talita, apresentou durante o evento grandes sucessos do sertanejo universitário. O quarteto formado pelos alunos Johnny, Flávio Hebert, Yuri Bastos e Alisson Galdino, trouxe um repertório repleto de forró pé de serra entre outros ritmos brasileiros.