DESIGUALDADE EM SAÚDE E A ESTRATIFICAÇÃO SOCIAL NO ACESSO AOS SERVIÇOS DE SAÚDE.

Daniela Rosa Gomes, Daiene Rosa Gomes, Mússio Pirajá Mattos

Resumo


A desigualdade na saúde se configura numa distribuição desigual dos fatores de exposição, dos riscos de adoecer ou morrer e do acesso a bens e serviços de saúde entre diversos grupos populacionais. Como medida de redução das desigualdades e reversão da formação dos estratos no acesso à saúde, implementou-se no Brasil, nos anos 90, o Sistema Único de Saúde (SUS), que apresentou como princípios norteadores o acesso universal, integral e equânime à saúde. Contudo, a análise de alguns dados revela uma manutenção da estratificação social no acesso aos serviços de saúde. Deste modo, o presente estudo tem o objetivo de relacionar a desigualdade em saúde com o processo de estratificação social no acesso aos serviços de saúde, a partir de uma revisão teórica dos principais conceitos relativos à temática e do levantamento de indicadores relacionados ao acesso a esses serviços no Brasil, com ênfase na questão da equidade. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica descritiva com abordagem qualitativa por intermédio das seguintes bases de dados: Scientific Eletronic Library Online - Biblioteca Eletrônica Cientifica On-line (SCIELO) e Biblioteca Virtual de Saúde (BVS), utilizando as palavras-chave: Desigualdade em Saúde; Acesso aos serviços de saúde; Equidade.Fica evidenciado que as desigualdades em saúde são frutos dos padrões iníquos dos determinantes de saúde, abrangendo os aspectos econômicos, sociais e de condições de vida da população. Um dos elementos de reversão das desigualdades é o acesso equânime aos serviços de saúde por considerar as necessidades específicas de cada grupo populacional e garantir sua efetiva resolutividade. Concomitantemente, a participação popular nas decisões de saúde pública deve ser considerada um elemento relevante no processo de superação das desigualdades, pois somente através de uma política pública justa será capaz de minimizar as desigualdades sociais.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.